Vitamina-d-gabriel-mateus

Vitamina D

A vitamina D é fundamental para o metabolismo e saúde óssea, sendo importante na prevenção de raquitismo, osteomalacia e osteopenia.

No entanto, os seus efeitos poderão também ser importantes para a diminuição do risco de doenças crónicas como alguns tipos de cancro, diabetes ou doenças cardiovasculares.

Na realidade é mais correto classificar a vitamina D como uma hormona, uma vez que esta é produzida endogenamente a partir da exposição solar em contacto com a pele.

Como hormona, a vitamina D tem várias funções no organismo, sendo que as suas ações biológicas são exercidas ao ligar-se ao recetor de vitamina D nuclear (VDR), o qual está distribuído por quase todas as células, inclusive as células do sistema imunitário.

Uma vez ligada, a vitamina D regula de 200 a 2000 genes (até 5% de todo o genoma). Não existe ainda um consenso final sobre as doses recomendadas para a vitamina D. Isso deve-se ao facto de algumas dessas recomendações ainda só levarem em consideração a dose mínima de forma a evitar problemas ósseos como o raquitismo.

No entanto, de forma a obtermos todos os benefícios da vitamina D na prevenção de doenças crónicas, provavelmente precisamos de doses superiores. Alguns dos temas que vamos abordar neste webinar:

Afinal o que é a vitamina D?
Como foi descoberta?
Como é metabolizada a vitamina D?
Porque temos diferentes tipos de tons de pele?
Qual a prevalência da carência ou deficiência de vitamina D?
Por sermos um país com sol não precisamos de vitamina D?
A vitamina D pode ajudar na prevenção da incidência ou mortalidade de cancro ou de outras doenças crónicas?
Quais os mecanismos de ação da vitamina D?
Existe alguma relação entre vitamina D e microbiota?
Quais as consequências de carência de vitamina D durante a gestação e infância?
Existe maior risco de doenças como esclerose múltipla ou alguns cancros nas regiões mais afastadas do equador?
Existe alguma relação entre vitamina D e microbiota?
Quais as recomendações de dose e de valores de vitamina D?
Devo tomar doses elevadas de vitamina D?
A vitamina D diminui o risco de infeções respiratórias?
Poderá a carência de vitamina D agravar as consequências da COVID-19?
Poderá a absorção de vitamina D estar dependente de outros nutrientes como o magnésio?
Quais os alimentos ricos em vitamina D?
Como fazer uma utilização responsável da exposição solar?
O que é melhor: suplementos ou o sol?
Precisamos todos de tomar suplementos de vitamina D?

Formador

Gabriel Mateus 

Duração

2h31

Metodologia

Gravação de webinar transmitido ao vivo. Baseia-se nas aulas que fazem parte do curso “Fazer da Cozinha uma Farmácia”. Estas aulas têm uma vertente científica muito rigorosa no qual são analisados vários estudos científicos. Embora seja acessível a qualquer um que queira adquirir conhecimentos baseados em evidência na área da nutrição, espera-se que se sintam confortáveis com aulas teóricas intensivas, sem deixarem de ser apelativas. As aulas são apoiadas pela projeção de slides, sendo estes posteriomente disponibilizados para os participantes.

Preço

40€

A quem se destina o webinar?

Destina-se a todos aqueles que pretendam ter um conhecimento prático, baseado em evidências, sobre o papel da alimentação na saúde humana e planetária, na prevenção de doenças crónicas e na preservação do ambiente, com especial destaque para a prevenção do cancro. O curso é frequentado por todo o tipo de pessoas, desde interessados em nutrição, até profissionais de saúde como médicos e nutricionistas.

Qual a duração do webinar?

Os webinars têm a duração de cerca de 3 horas, geralmente em horário pós-laboral.

Não posso assistir em direto. É possível adquirir posteriormente?

Sim, os webinars são gravados e podem ser adquiridos posteriormente.

São necessários conhecimentos prévios de nutrição?

Embora o webinar tenha uma forte base científica, não são necessários conhecimentos prévios de nutrição.

São oferecidos materiais didáticos de apoio?

Todos os materiais utilizados na apresentação são disponibilizados aos participantes no final de cada sessão.

É possível participar no webinar?

Sim, é possível e desejável que haja interação durante o webinar. Tal interação enriquece os conteúdos e permite a partilha de experiências pessoais ao longo do curso. Essa participação acontece tanto para os que participam presencialmente como aqueles que assistem à distância.

Posso obter um certificado no final do webinar?

De momento, o webinar apenas disponibiliza um certificado de presença.

Nota

Estes webinars têm como objetivos transmitir conhecimento gerais sobre saúde e nutrição. Não pretendem dar conselhos médicos individuais, nem substituem o acompanhamento personalizado por profissionais de saúde. Todas as alterações na alimentação deverão ser acompanhadas e adaptadas ao caso individual por nutricionistas ou outros profissionais de saúde.