coffee-beanUma série de estudos têm mostrado uma relação entre o consumo de café e a diminuição no risco de vários tipos de cancro. Uma meta-análise conclui que por cada chávena de café ingerida diariamente existe uma diminuição de 3% no risco de vários cancros

. Um novo estudo realizado na Universidade de Lund, sugere que o café inibe o crescimento de tumores e reduz o risco de recidiva em mulheres diagnosticadas com cancro da mama e tratadas com tamoxifen .

O estudo combinou informação relativa ao estilo de vida e dados clínicos de 1090 doentes de cancro da mama com estudos de laboratório com células de cancro da mama. Os resultados sugerem que das mais de 500 mulheres tratadas com tamoxifen, aquelas que beberam pelo menos 2 chávenas de café por dia, tiveram metade do risco de recidiva daquelas que beberam menos café. Além disso, as que beberam pelo menos 2 chávenas de café por dia tinham tumores mais pequenos e uma proporção inferior de tumores hormono-dependentes.

caffeine-breast

No estudo de laboratório com células, os investigadores focaram duas substâncias presentes no café: cafeína e ácido cafeico. As células de cancro da mama reagiram a estas duas substâncias, especialmente à caféina, com uma diminuição na divisão celular e indução da morte celular, especialmente em combinação com o tamoxifen. Isso sugere que estas substâncias têm um efeito nas células de cancro da mama e desligam vias de sinalização que essas células necessitam para crescer.

coffee-cupOs investigadores mostraram que tanto em doentes de cancro da mama como em células in vitro, o café parece reforçar o tratamento com tamoxifen, sendo necessárias pelo menos duas chávenas por dia para fazer a diferença.

O café poderá estar associado a uma diminuição no risco de outros cancros:

Cancro do fígado – uma meta-análise que inclui 16 estudos conclui que o consumo de café está associado a uma diminuição de 40% de cancro do fígado . Recentemente o relatório CUP da WCRF/AICR conclui que em média, uma chávena de café por dia, diminui 14% o risco de cancro do fígado.

liver-cancer-x-900Cancro do endométrio – um estudo recente que inclui participantes do estudo EPIC conclui que cerca de 3 chávenas de café por dia está associado a uma diminuição de 19% no risco de cancro do endométrio . O relatório da WCRF/AICR conclui que o café provavelmente diminui o risco de cancro do endométrio.

endometrio-WCRF

O café contém várias substâncias que poderão contribuir para as suas propriedades quimiopreventivas:

  • Ácido clorogénico, um polifenol com propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias ;
  • Ácido quínico, responsável pelo seu sabor ácido do café;
  • Cafestol e caveol;
  • Cafeína.

Os mecanismos prováveis pelos quais o café poderá ter uma ação benéfica na prevenção de alguns cancros, incluem :

  • Inibição do stress oxidativo;
  • Regulação da reparação do ADN;
  • Indução das enzimas de fase II;
  • Indução da apoptose;
  • Inibição da inflamação;
  • Ação antiproliferativa;
  • Ação antiangiogénica;
  • Ação inibidora de metástases.

 Algumas considerações:

Embora o café pareça estar associado a um efeito benéfico na prevenção de alguns cancros, por ser obtido a partir de grãos torrados, é fonte de acrilamida, uma substância possivelmente cancerígena que se forma quando alimentos ricos em amido são expostos a temperaturas elevadas. Ainda não existe um consenso em relação aos reais riscos do consumo de alimentos ricos em acrilamida e as quantidades limite. No entanto, com a informação que temos, é sensato tomar medidas, reduzindo os alimentos ricos nesta substância e modificando a forma de os confecionar.

As principais fontes de acrilamida na nossa alimentação são as batatas fritas, o café torrado, alimentos fritos seguidos de biscoitos e torradas. Reduzir o consumo destes alimentos é uma forma de diminuir a ingestão de acrilamida. No entanto, o café torrado tem menores concentrações de acrilamida do que o café instantâneo e ainda menos do que os substitutos de café (cafés de cereais com chicória e cevada, entre outros), pelo que entre o café e um substituto, é preferível o primeiro .

acrylamide

Tal como acontece com o chá, cacau e vinho tinto, os polifenóis presentes no café diminuem a absorção do ferro presente nos alimentos, pelo que deve evitar-se beber café junto das refeições ricas em ferro.

 

Referências:

2017-10-24T16:43:10+00:00 1 Comment

One Comment

  1. ivo carlos garcia 16 Maio, 2015 at 12:29 - Reply

    Parabéns pelo trabalho e por tão excelente artigo. Continue nesta linha de intenções. Boas Energias, Trabalho e Sucessos.

Leave A Comment

2 × 4 =